Domingo, 4 de Fevereiro de 2007
update
frente
features
p&R
retrovisor
guia
agenda
Nickname:
Password:
Recuperar Pass >
Registe-se Aqui >
Krieg mais
Assinaturas
ASSINE
A BLITZ
aqui
ver mais
Vende-se
Oferece-se
Procura-se
Vende-se
Compra-se
Procura-se
JP Simões: Luso Samba
JP Simões vive «um pé atrás» da própria existência. O português acaba de lançar o primeiro álbum a solo, que irá promover no Brasil.


O álbum 1970 tira o retrato à respectiva geração – ela é assim tão identificável?
A colheita a que me refiro é uma mistura de traços de pessoas que conheço e do ambiente que vivi numa Coimbra um bocado esvaziada de sentido, nos anos 80. Tem traços que são meus ou que tomo como meus, mas acho que toda a gente que faz parte de uma geração pode padecer das mesmas influências: o que distingue as pessoas é aquilo que fazem com as suas potencialidades, para o bem ou para o mal.

Seria capaz de escrever sobre outra geração?
Tento escolher os temas sobre os quais me posso manifestar com mais autoridade: a minha vida e as minhas impressões. Foi por isso que deixei a meio a carreira jornalística, porque sou mais ficcionista histórico do que retratista da actualidade. Depende se houver uma boa história: uma boa história tem a capacidade de nos fazer ver ou pressentir o pano de fundo. Uma pessoa pode ver uma enorme paisagem através de uma janela pequenina.

BLITZ 08
Texto completo e mais informação na BLITZ de Fevereiro, já nas bancas.
«Capitão Simão» e «O Vestido Vermelho» são motivo de júbilo para os benfiquistas?
Viva o Benfica! Faço questão que todos os seis milhões de adeptos comprem o disco, porque foi feito para eles. Gosto imenso do pardal que simboliza o Benfica, um pardal sobrealimentado! Resumindo: gostava muito que os seis milhões de adeptos do Benfica comprassem o disco mas, em abono da verdade, [as canções] não foram feitas nesse sentido. «Capitão Simão» foi feita para o meu filho: os filhos, tal como comandam o futuro, começam a comandar todas as expectativas da vida dos pais, e o «Vestido Vermelho»… o vermelho simboliza a carnalidade e o erotismo.

Lia Pereira, Sexta, 26 de Janeiro às 12:48


JP Simões
(hernradiohead, 3 pontos (Bem Escrito) , Domingo, 28 de Janeiro às 22:57)
Quinteto Tati e Belle Chase Hotel já são provas provadas na música nacional.
Mais um álbum a descobrir (e quem sabe a incluir nos melhores do ano 2007 a nível nacional...).
{À bola com Buarque}
A recente passagem de Chico Buarque por Portugal foi assinalada com um jogo de futebol entre a equipa Carioca, capitaneada por Buarque, e vários músicos portugueses seus fãs. Além de JP Simões, alinharam pelas quinas João Afonso, Sérgio Costa, Manel Cruz, Peixe e Nuno Prata; Sérgio Godinho treinou. A ideia partiu de Joana Barra Vaz e Maria João Marques, em preparação do documentário Meu Caro Amigo Chico. As imagens do desafio, que terminou com a vitória do Brasil por 1-0 («injusto», diz JP) estão em http://meucaroamigochico.blogspot.com
| Home | Classificados | Forum | Chat | Assinaturas | Agenda | Passatempos |
BLITZ - Edificío São Francisco de Sales, Rua Calvet de Magalhães 242 - 2770-022 Paço de Arcos T. 21 4544301 F. 21 4415843 e-mail: blitz@aeiou.pt    - Publicidade
Impresa >> Expresso _ Autosport _ Courrier Internacional